Nuances de uma amizade - Ela



♪ (...) What if we were made for each other
Born to become best friends and lovers... 

Dizem que um “você é um idiota” de uma garota é um “eu te amo” disfarçado. Eu não posso dizer se concordo inteiramente com isso, afinal ele é um idiota, como tantas vezes eu já lhe disse.
A maioria das garotas sonha em encontrar o amor de sua vida – um cara charmoso e inteligente que apanhe flores e lhe dê caixas de bombons –, mas eu sou mais prática. Não que eu não sonhe com aquele grande amor, por mais patético que seja admitir, eu sonho. E no meu sonho é ele um cara normal, que me faça rir e que ria da minha cara quando houver oportunidade, um cara que me cubra de cócegas quando quiser tomar algo de mim e que beije a ponta do meu nariz no meio da noite.
É assustador o quanto a minha descrição de cara ideal seja as características de meu melhor amigo. Ele que me arranca as mais altas gargalhadas e me faz sorrir com pequenos gestos bobos. Ele que me suporta nos meus piores dias e ainda consegue achar paciência para fazer uma piada qualquer com o meu humor azedo – por dentro eu rio, ainda que ele nunca vá saber disso. Ele que está sempre ao meu lado quando preciso de alguém e quando meus lábios pedem um beijo. Aprendi a buscar pequenas doses de paixão na boca dele, na pessoa dele.
Muitas pessoas diriam que isto é errado e que devemos descobrir o que realmente queremos e o que temos, mas acredito que não precisamos de um rótulo que nos defina e já fizemos um acordo de que não haverá sentimentos envolvidos. Às vezes alguns sentimentos são grandes inconvenientes.
Somos dois amigos, grandes amigos, que ficam juntos quando há a necessidade ou quando o momento é propício... ah, eu devo ser honesta e confessar que algo mais nele me atrai e que não suporto o fato de que ele possa ficar com outras garotas, talvez isto seja apenas um ciúme tolo de amigo. É, é isso.
Meu coração me diz que se há algo, mesmo que pequeno e, a nosso ver, superficial, é porque estamos destinados. Fomos destinados a viver algum tipo de história, só não posso dizer se estamos escrevendo um romance ou um drama.
Ele tem tudo o que preciso. Ele é exatamente o que eu nunca procurei, mas o que eu encontrei, porque era assim que devia ser.
Meu amigo colorido que ofusca o preto e branco dos meus dias e faz minha vida mais feliz. Eu não sei o que vai acontecer entre nós, mas por enquanto ele é meu melhor presente e não consigo enxergar um futuro sem que ele esteja por perto.
E quanto mais perto, melhor – malditos sentimentos, talvez eles devessem permanecer em silêncio e permitir que eu viva livremente o máximo que eu puder.
Eu só queria saber o que ele pensa sobre tudo isso e por mais que um lado me diga que devo parar com essa mistura de emoções, o outro pede mais. Ainda não decidi qual lado devo ouvir e com certeza não estou preparada para nenhuma decisão agora, porque o que temos é bom e é o bastante para me fazer feliz.

Onde está ele com aquele sorriso retardado para animar meu dia? Preciso dele aqui, sua presença acalma meus pensamentos e dá vozes ao que já se calou dentro de mim. 

Logo em breve - Ele

Compartilhe

Mais sobre o dono dos sorrisos

Autor de sorrisos. Sou aquele que fala sobre o que sente e o que não sente com a mesma veracidade. Há quem diga que sou feito de palavras e quem sou eu para discordar? Ao ler minhas (entre)linhas nosso laço se aperta e assim podemos ser íntimos, de alguma forma. Contatos: rodolpho.padovani@hotmail.com

5 sorrisos compartilhados:

Gessy Danforth disse...

O texto de muitas garotas (Elas) em situações semelhantes. Poderiam até mesmo ter sido as minhas palavras em um passado distante...
Enfim, gostei muito. Esperando ansiosamente pelo "Ele".

(:

Gabriela Furtado disse...

Que saudade daqui!
e quem nunca se apaixonou pelo melhor amigo?
beijos, beijos

Anônimo disse...

Poxa que saudades da minha melhor amiga.... se ela soubesse o quanto ainda a amo....

Alexandre Lucio Fernandes disse...

Pois é, lindo texto. Bom imaginar como uma garota pensa nestes momentos. Algumas amizades coloridas estremecem sim o coração. Algo se encanta lá no mais íntimo. Parece tudo orquestrado.

Dá pra ver como os sentimentos estão intensos e brilhantes no modo da moça escrever, pensar. Também se vê uma mistura de entendimentos. Mas quando o amor nos parece certo ou lógico? Lindo meu amigo... lindo.

À espera de ler o lado dele.

Abração!

Th-Alice Star disse...

Não vou falar que sou apaixonada pelo meu MELHOR amigo. Meu melhor amigo é gay... Eu o amo muito. Ele é meu irmão, minha base de ferro, a mão que me levanta e o riso que me deixa mais leve. Ele é simplesmente minha vida. Mas posso sim dizer que sinto algo estranho e diferente pelo meu melhor amigo hetero. Um idiota irritante ai. Ele é bobo e chato, feio não. Ele me irrita, me bagunça, me confunde... Eu o odeio 1000 vezes por segundo e ainda assim continuo o amando. Somos amigos. Ele sabe tudo sobre mim, eu sei tudo sobre ele. Saímos juntos. Minha primeira bebedeira foi culpa dele. A gente briga, volta a conversar, xinga, elogia... Fingimos que não nos importamos, mas pelo menos no meu caso eu me importo pra caramba. Só que ele não sabe. Eu não deixo transparecer. Eu até falo de outros caras. Faço questão de chamá-lo de AMIGO... Porque tenho medo de falar algo e estragar tudo. Está tudo tão bom como está. Acho que mexer em time vencedor não é o melhor a se fazer. Amizade... Amor... Amizade... Amor... Um escondendo atrás do outro desde a era das cavernas!
Parabéns pelo texto. Beijos.