Um pedido do futuro

Não sei como aquele pedaço de papel veio parar até aqui, o apanhei no solo árido e li a breve linha desprovida de esperança.

"Como estará o mundo daqui a 50 anos? Eu acredito que até lá não existirá mais mundo - 01/07/2010"

Reli algumas vezes e soprei as palavras de resposta ao vento:
Estou no ano de 2070, o mundo ainda existe, mas não aquele mundo que tantos sonhavam. O mundo se transformou de verde e azul para um deserto sem fim. Grande parte dos animais que você chegou a conhecer um dia, está extinta, a população se reduziu a poucos milhares, apenas os que sobreviveram a seca devastadora e às doenças. As chuvas são raras por aqui e quando chove é chuva ácida. Lagos, rios e mares secam por todo canto. A escassez de água dizimou o planeta. Os ventos que sopram são quentes, não há árvores mais, o ar é sujo e poeirento. A humanidade voltou a uma era onde somente os mais fortes sobrevivem. A tecnologia que você conheceu só serviu para agravar o problema, com emissões de poluentes e destruição da camada de ozônio, que quase não existe mais. Os pólos norte e sul derretaram e a vida já não existe mais por lá, e como consequência disso, centenas de cidades litorâneas foram engolidas pelo mar. As pessoas viraram nômades, vagando pelo sólo estéril a procura de um lugar melhor para se viver, mas já não creio que exista tal lugar. A morte paira no ar e nos deparamos com suas vítimas por onde quer que vamos. Homens e bichos lutando por sobrevivência. O sol castiga com seus raios como línguas de fogo.
Eu digo estas palavras em vão, mas desejo que os ventos as carreguem ao passado, como um grito de súplica à sua geração, para que possam impedir que isso aconteça, para que façam algo enquanto há tempo.
Pois agora na situação caótica desse mundo desolado, faço tuas as minhas palavras quando me perguntarem do futuro. Ou melhor, acredito que o mundo ainda existirá, mas será um vasto globo vazio.

Pauta para Sílaba Tônica
___________________________________________________________

Selo


Ganhei esse (meu primeiro selo em movimento, rs) e mais dois selos da Luria Corrêa do Distúrbios Sóbrios e da Lu.S do No Recreio, os outros eu já tinha, mas acrescentei o nome delas na minha página de selos, assim como os selos que ganhei da Julia Françozo do Alice em metamorfose. Muito obrigado meninas.
Esse selo não tem regras, então vou oferecê-lo para as cinco pessoas que comentarem aqui primeiro.
Grande abraço pessoal.

Para ver todos os selos clique aqui.

Compartilhe

Mais sobre o dono dos sorrisos

Autor de sorrisos. Sou aquele que fala sobre o que sente e o que não sente com a mesma veracidade. Há quem diga que sou feito de palavras e quem sou eu para discordar? Ao ler minhas (entre)linhas nosso laço se aperta e assim podemos ser íntimos, de alguma forma. Contatos: rodolpho.padovani@hotmail.com

25 sorrisos compartilhados:

Julia Françozo disse...

eu estou na página do meu blog favorito *-* morraaaaaaaaaaam NN awn.

Lua S. disse...

Oiii

Tem "selos" no meu blog para você =)

beijos

Julia Françozo disse...

Imagine, Rodolpho. É totalmente verdade o rótulo do : "meu blog favorito". Tudo o que você escreve soa tão... Perfeito, lindo. Eu me sinto um nada quando eu leio seus posts. Sério que é meu? AWN gente, meu dia não poderia melhorar *-* obrigada.

Lua S. disse...

OIi

Bem agora voltei para ler o texto, já que antes passeio correndo por que tinha que avisar outros blogs.

Nossa realmente temos que cuidar do nosso mundo, as pessoas tem que parrar de pensar só em comprar e comprar. Se não vamos ficar igual o seu texto.

Beijos e obrigada por colcoar meu nome e meu blog ali ;)

Natália disse...

Temos que ter esperança de que as coisas ainda irão existir. Parabéns pelo selo. Bj

Deise Lima disse...

eI minino!
vc ta muito certo qd escreve isso viu?! e me tocou muito, me arrepiei enquanto lia, sabe a sensação de que vou lembrar disso pra sempre?
espero que se reflita em meus atos,que já tento aos poquinhos mudar, mas a mudança que nós humanos estamos causando não é nada boa, enfim precisamos alertar e mudar pra melhor!!!!
parabéns mais uma vez Rodi
=*

Tati disse...

Bem escrito demais sr. Padovani.

Gostei muito dos desenhos e do jogo de palavras... Ficou excelente mesmo.

Parabéns pela incrívle e sensível produção...


Grande Beijo

Thizi disse...

Qeria ter mais tempo para ler o texto que você escreveu, mas estou aqui para anunciar que você é o Destaque do mês no OUAT!
E temos para você um selo e uma entrevita.
Por favor, entre em contato atraves do e-mail:
projetoonceuponatime@hotmail.com

Jaqueline Jesus disse...

Ah! Rodolpho.. que texto ótimo. Muito bom para se pensar na maneira como estamos vivendo hoje...
Precisamos repensar nossas atitudes.
beijos

Emi disse...

Caramba, que texto maravilhoso. E que baita consciência que conseguiu passar para seus leitores, parabéns!
Torço para que ganhe com essa pauta para o Sílaba Tônica. Você merece muito!
\o/
Beijoos!

Thiara Ribeiro disse...

Não podia mesmo ser diferente!
Esse texto impressiona!

;*

Mandy disse...

Aain que fofo esse selinho *-*

Mandy disse...

Acredita que só depois eu percebi que isso é só uma postagem? --' sou uma besta mesmo. Mas enfim, ficou lindo e vc vai ganhar :D
Beijão
Mandy

Brunno Lopez disse...

'O sol e suas línguas de fogo'

É uma verdade, algo que andava lentamente mas tem acelerado pelos últimos anos.

A geração ainda consegue ouvir, mas é possível se enxergar alguma atitude?

Parabéns pelo blog, sempre estou lendo aqui.

Doce Nostalgia disse...

AI que selinho mais fofo *-*
lindo, lindo...

Poxa esse texto seu é para parar e pensar...
Gostei muito!

Beijos lindo!

maiara diniz. disse...

Adorei o texto Rodolpho!
E espero que assim como foi pra mim, ele seja útil para que muitas pessoas possam se sensibilizar e tentar fazer a diferença. De nada existirá a tecnologia e certos avanços se a humanidade não estiver aqui para presenciá-las. Beijos

Nah disse...

Parabéns pelos selinhos!
E, adorei esse teu post, mas sabe qual é o pior? O ser humano ser racional, mas agir como irracional. Se sabemos que se não mudarmos o jeito como viemos tratando o mundo esses ultimos tempos, vamos sofrer sérios problemas, porque continuamos batendo na mesma tecla, sem fazer alguma mudança? O máximo que fazemos algumas vezes é falar, falar e nada fazer!
Faço das palavras da Maiara Diniz 'que esse post seja útil para que muitas pessoas possam se sensibilizar e tentar fazer a diferença'!
Abraço, e amei teu blog!

Ariane s.s disse...

Passa lá no meu blog que tem um selinho pra você.

Clica ai:




http://ariane-lye.blogspot.com/p/selinhos-recomendados.html



Beijão , e o blog tá super legal ;

Tatá disse...

ai que lindo! *.*

@juusep disse...

Oi, passando para te avisar que eu te indiquei para um meme lá no blog. É para dizer algumas coisas sobre você, mas em fotografias! Beijo.

Grafite disse...

Me prendi ao texto do início ao fim, simplesmente incrível as palavras!!!
PARABÉNS!

beiijo,
*.*

mari ebert disse...

Eñtão eu espero estar bem morte em 2070! rss brincadeira, eu realmente acho que está na hora das pessoas no presente agirem quantoao futuro, para q o mundo não acabe como vc descreveu. Parabens pelo selo, adoro seus textos! bjão

Sophia's Lu disse...

É, poucos são os que refletem sobre o que anda acontecendo com o nosso mundo e com a nossa vida. É realidade não desejada. Texto magnífico Rodolpho.
Todos são tocantes e nos fazem refletir um pouco mais sobre nossos conceitos e maneira como encaramos a vida.
Beijo.

Rebeca Rocha disse...

Nossa, adorei teu texto, como sempre a perfeição se faz presente.
Bjs

Thiara Ribeiro disse...

Selo pra ti no meu blog Rodolpho!

;**