"O maravilhoso mundo novo"

Propaganda na TV:
"Em vista da aproximação do fim do mundo em 2012, a revolucionária 'Paradise Enterprise' desenvolveu uma biosfera agradável e totalmente segura. Conheça o 'The amazing new world', uma cúpula com capacidade para abrigar 10 milhões de pessoas. Garanta seu novo lar após o apocalíptico evento mundial e salve a si mesmo e a sua família. Os preços promocionais de inauguração são acessíveis..."
- Odeio essas propagandas inúteis na televisão, principalmente quando insistem em colocar essas palavras em inglês que ninguém sabe o que é - resmungou a dona-de-casa rabugenta desligando o aparelho com o controle remoto e se levantando do sofá para checar como estava o preparo do almoço.
O telefone toca.
- Alô...
- A senhora é a responsável pela linha telefônica? - a voz do outro lado perguntou.
- Sim, quer falar com quem?
- Com a senhora mesmo - disse o homem com voz de locutor de rádio - Senhora, gostaríamos de apresentá-la ao incrível "The amazing new world", uma sensacional construção pioneira da "Paradise Enterprise" que visa oferecer a melhor acomodação e segurança para a senhora e sua família, após o "evento 2012". Com base em pesquisas ambientais e populacionais, desenvolvemos um ambiente altamente próximo ao...
- Não tenho interesse, obrigada - ela interrompeu o discurso ensaiado do vendedor e desligou o telefone - Odeio telemarketing - ela chiou e se preparou para ir à cozinha.
A campainha toca.
- Pois não - ela sai ao portão e encara um homem bem vestido.
- A senhora é a dona da residência?
- Sim, o que deseja? - ela perguntou irritada.
- Senhora, esse bairro foi selecionado pela nossa empresa para receber um magnífico desconto de 10% no valor da aquisição de uma propriedade na cúpula da nova civilização pós-2012, veja a senhora mesmo - ele a entregou um panfleto com várias ilustrações.
- Tê amazíngui néu wordi - ela leu e ele a corrigiu com um sorriso.
- Olhe senhora, a cúpula conta com um incrível ambiente naturalmente (artificialmente) verde, a temperatura é ajustada conforme o clima (uma estufa quando está quente e um freezer quando está frio), o ar é renovado a cada 24 horas (ar reciclado carregado de dióxido de carbono, que aumenta com o passar do tempo), uma ótima oportunidade para a toda a família... - as considerações entre parênteses não estavam no panfleto, mas se tratam da realidade.
- É, existe um mundo melhor, mas é caríssimo - comentou a vizinha bisbilhoteira que a todo tempo ouvia a conversa.
- Muito pelo contrário, senhora - o vendedor muito eficiente lhe distribuiu os panfletos - Temos uma tabela de preços que se encaixam no seu bolso, as parcelas saem por menos de R$1000 por mês - as duas senhoras olharam o panfleto que mostrava as parcelas do plano individual: 500.000 vezes de R$990 - Viu? Esse é o pacote básico, se tiverem interesse em ver nossas outras promoções eu estarei inteiramente à disposição das senhoras. Mas deixe-me falar das vantagens que essa aquisição oferece...
- Moço, sabe o que é um mundo melhor para mim? - a senhora perguntou - É um mundo onde meu filho me obedece e não empaca feito uma mula velha na hora do banho, um mundo onde meu chihuahua não latisse tanto como se tivesse engolido um apito, um mundo onde meu marido não roncasse feito um porco engasgado com uma maçã, um mundo onde copa não tivesse vuvuzela e um mundo onde eu pudesse fazer meu almoço sem ser interrompida por vendedores de produtos ridículos feito você.
Ela entrou, bateu o portão e rasgou o panfleto.
Finalmente ela chegou na cozinha, constatou que o arroz havia queimado, que o cachorro latia sem parar e que seu filho ainda não havia se arrumado para a escola. Suspirou e foi lavar o arroz para recomeçar o almoço, nesse momento o rádio ligado anunciava uma oferta sensacional da"Paradise Enterprise".

Pauta para a Gincana do Dia do Escritor do OUAT - Tema: Comédia / Frase: "Existe um mundo melhor, mas é caríssimo."

Obs: O texto ficou mais puxado para a sátira, o que não deixa de ser comédia, espero que tenham gostado.

Compartilhe

Mais sobre o dono dos sorrisos

Autor de sorrisos. Sou aquele que fala sobre o que sente e o que não sente com a mesma veracidade. Há quem diga que sou feito de palavras e quem sou eu para discordar? Ao ler minhas (entre)linhas nosso laço se aperta e assim podemos ser íntimos, de alguma forma. Contatos: rodolpho.padovani@hotmail.com

8 sorrisos compartilhados:

Rebeca Amaral disse...

muito bom, Rodolpho. uma crítica muito divertida, hehe. sério mesmo, quanta criatividade, hein?
será mesmo que esse novo mundo vai estar a venda? ai, ai, fiquei aflita agora!
brincadeira...
às vezes a mídia nos deixa tão confusos. nos enche a paciência e nos faz queimar o arroz. mas que droga!

bjs

manie disse...

hahahaha, eu gostei muito do texto, parabéns.
gostaria de saber como é que você consegue tanta criatividade! quem me dera haha

Cris Souza disse...

eu fico feliz ao ler seus textos por sabem que existem pessoas com uma sensibilidade crítica maior que a minha. Sempre feliz e honrada nessas descobertas, nunca invejosa.
Um texto incrível e puramente reflexivo!

wcastanheira disse...

Um belo texto, vc esteve iluminada na sua postagem, gostei de andar por aqui, vc merece bjos, bjos e bjosssssssssss

Jaci Macedo disse...

Muito bom. Como sempre, ótimo e me surpreendeu com esse post. E obrigada pelos selos, por lembrar sempre de meu humilde blog. beijos, coração.

Lu.S disse...

Nossa ficou muito legal.
bem criativo.
espero que ganhe.

bjs

jefhcardoso disse...

Muito boa a crítica, Rodolpho. Gostei do toque de humor.
Não duvido que nesse novo mundo tudo esteja à venda.
Penso que os veículos de comunicação deixam a desejar quanto ao verdadeiro papel que eles possuem perante a sociedade.

Abraço de Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

Doce Nostalgia disse...

Vou concorda viu? CRIATIVIDADE é o que não te falta, eu sempre gostei de gente criativa parece que nada é impossivel!!!
Com uma pitada de humor, cara MUITO BOM mesmo, ri a beça...

Otimo!
Beijos!!!