Keblinger

Keblinger

Serial Killer - Parte 5

| sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011
Hora do conto - Para entender, leia a Parte 1, Parte 2, Parte 3 e Parte 4

Rita conversou mais uma vez com as garotas de programa, mas nenhuma delas sequer tinha ouvido o nome de Bernice, depois se dirigiu à gráfica onde ela trabalhava. Lá ela perguntou como era a vida pessoal da mulher e nada de incomum foi relatado e ninguém reconheceu o nome Mary Ann, as pessoas quiseram saber o que tinha acontecido, mas a agente se limitava a responder que era confidencial.

***

Samuel investigava as mortes, os nomes das vítimas e as pistas deixadas pelo assassino e começou a fazer progresso com suas últimas descobertas.

***

Joshua e Amir se dirigiram ao córrego da cidade, para o local onde o chamado tinha sido feito e se depararam com a cabeça da vítima recostada no cimento, boiando perto dos detritos fétidos. O fotógrafo lançou flashes para capturar a imagem horrível enquanto o criminalista cutucava a cabeça em busca de algum detalhe importante.

***

Natalie Smith esteve perto das duas cenas do crime, tomando notas em silêncio e observando tudo. Na tarde do dia da primeira morte passou pela delegacia e soube do misterioso embrulho que chegara ao chefe, do seu conteúdo macabro e do bilhete profético. A segunda cena do crime, ainda mais brutal que a anterior lhe deixou alvoroçada e ela queria descobrir mais. Seguindo o detetive e a agente de perto, descobriu algumas coisas interessantes e agora se misturava à multidão diante do córrego, anotando e tirando fotografias com seu celular. Diferente dos outros repórteres invasivos, Natalie se movia de maneira sorrateira, colhendo informações e se esgueirando de qualquer escrúpulo.

***

- A cabeça da vítima também não continha nada que nos levasse a quem está cometendo esses crimes – disse Fayad na sala de reuniões.
- Também não há nenhuma ligação entre as vítimas, elas não se conheciam. – informou Rita.
- Fiz algumas descobertas – anunciou Samuel com orgulho – A minha teoria de que ele dá pistas sobre o próximo crime está mais segura. A morte de Mary Ann foi baseada no modus operandi de Jack, mas Jack não arrancava a pele das vítimas, isso foi uma pista para o próximo crime, baseado em outro assassino em série, Eddie Glen. Mary Hogan e Bernice Horden foram duas vítimas de Glen, a segunda foi decapitada e em sua casa foram encontrados objetos feitos de pele humana. O símbolo no corpo de Bernice nos dá a pista de em quem será baseado o próximo crime, o Assassino do Zodíaco. Ele está recriando os crimes, como se fosse um tributo doentio aos assassinos em série mais famosos.
- Conheço a história do Zodíaco, suas vítimas eram completamente aleatórias, como vamos impedir que esse doente cometa outro crime? – perguntou o sargento.
Várias patrulhas policiais foram espalhadas pela cidade e pelos cantos mais remotos, em praças e parques a segurança foi redobrada.

***

- Posso falar um minuto com você, detetive? – uma moça loira perguntou apontando um gravador.
- Não tenho nada a declarar – Samuel esquivou-se.
- Eu tenho certeza de que você vai ficar muito feliz em me ajudar com essa matéria, a menos que queira que o seu relacionamento com a Agente Weber se torne do conhecimento de todos – ela exibia um sorriso vitorioso no rosto.

EM BREVE – PARTE 6

Chegamos na metade do conto, só para vocês saberem.

7 sorrisos compartilhados:

{ @barbarakang } at: 11 de fevereiro de 2011 00:48 disse...

wtf? Quem é essa loira? :@@ Tomara que ela vire uma vítima! Me empolguei. Quero a próxima parte.

{ MAILSON FURTADO } at: 11 de fevereiro de 2011 12:25 disse...

Muito bom o post!!!

Belo espaço!!!

Gostei pra caramba, voltarei mais vezes...

Convidaria vc a conhecer meu trabalho (poesia, teatro, poesia)

Ficaria Muito feliz!!

http://mailsonfurtado.com

{ Ju Fuzetto } at: 11 de fevereiro de 2011 13:56 disse...

Tá muito muito bom!!

Beijos

{ Rebeca Rocha } at: 13 de fevereiro de 2011 00:04 disse...

Sério que ainda falta tudo isso?
Gemt vou morrer do coração!

{ Iris Gomes, } at: 13 de fevereiro de 2011 00:07 disse...

Oii, tava procurando Blogs sobre pensamentos e achei o teu. Adorei *--* parabéns ..

Tô seguindo, beijão.

{ Tati } at: 15 de fevereiro de 2011 15:45 disse...

Nossa, na metade? Como assim, eu vou enfartar ate chegar no final

{ • cynthia bs } at: 23 de fevereiro de 2011 10:51 disse...

Ah, seremos duas, Tati :/

Indo ler a a sexta parte...

 

Copyright © 2010 A arte de um sorriso