Keblinger

Keblinger

À moda antiga

| domingo, 8 de agosto de 2010
♫ (...) Everything you are is everything to me
These are the moments, I know heaven must exist
These are the moments, I know all I need is this
I have all I've waited for
And I could not ask for more... ♪
I could not ask for more - Edwin McCain

Meu amor é daqueles à moda antiga, eu me declaro, faço serenatas, roubo flores nos jardins por onde passo, crio versos, rabisco o nome dela junto ao meu e um coração nas folhas do caderno, olho para as estrelas pensando nela, suspiro ao ouvir sua voz, meus olhos brilham ao vê-la chegar, meu corpo treme com sua aproximação. Podem me chamar de antiquado, mas eu gosto desse jeito, gosto de pintar um sorriso no rosto dela quando faço poemas com seu nome, o riso dela faz cócegas na minha alma.
A cada dia que passa eu sinto como se me perdesse de mim para me encontrar nela. Numa noite de brisa leve, cheirando a paixão e colorida de beijos eu a disse:
- Te dou o meu coração... queria dar o mundo. Queria dar a lua, os planetas, o sol... queria roubar a galáxia, embrulhar para presente e te entregar.
- Se eu tenho seu coração, eu não preciso de nada além disso - ela me respondeu.
- Você vai cuidar bem dele?
- Até mesmo quando você arranhar o meu que está nas suas mãos.
Ela sempre soube responder às minhas declarações com essas frases que me tiram o ar e me fazem flutuar. Enquanto meu coração está seguro nas mãos dela, o dela pulsa aqui comigo e a cada segundo bombeio mais amor para ele.
Me mantenho sempre a meu modo de agir, sentir e demonstrar.
Assim que completamos três anos juntos, eu percebi que o passado que existiu antes dela se tornou desconhecido e sem valor e quando olho para frente, ela está comigo.
Foi em uma viagem de trem que fizemos, enquanto o sol de fim de tarde tentava atravessar o vidro e aquecer cada passageiro antes de dizer adeus, que eu me ajoelhei ao lado dela, abri a caixinha com o anel e perguntei:
- Você aceita ser oficialmente a Sra. Dona do meu coração?
Ela sorriu a medida que seus olhos marejaram e respondeu:
- Se existe outra resposta além de "sim" eu não conheço.
Garanto que se ela não tivesse cuidando muito bem do meu coração, ele, literalmente, explodiria de felicidade e jorraria pingos de emoção no momento que coloquei o anel em seu dedo.
O que mais eu posso querer? Eu tenho mais do que pedi, mais do que esperei a vida toda.
Agora as estrelas sorriem no céu, irradiando seu brilho sobre nós.
Meu amor é daqueles à moda antiga, sabe? Se é piegas, bom, nada poderia ser melhor que isso.

Pauta para OUAT - 56ª Edição - Música
Um feliz dia dos Pais para todos os pais.
Pessoal, prometo que o próximo texto será a Parte 4 do conto.

24 sorrisos compartilhados:

{ *Amanda* } at: 8 de agosto de 2010 17:21 disse...

uhuuuuuuuuuuuuuuu!!!!!

fortíssimoooo candidato aos meus melhores!!! rsrsrsrs... ameiiiiiiiii!!!!!!

{ Viiviih M. } at: 8 de agosto de 2010 18:33 disse...

Simplesmente lindo!

{ Gabriela Furtado } at: 8 de agosto de 2010 19:34 disse...

Ahh, Deus queira que eu ache um amor a moda antiga tb...
lindo, como semore, estas tuas palavras...
beijos

{ Cristiano Guerra } at: 8 de agosto de 2010 20:31 disse...

Haha, que bonito! Enfim alguém que escreve coisas felizes. Esse seu post fez jus ao título do blog. Me fez sorrir. Parabéns ;]

{ Jéssica Trabuco } at: 8 de agosto de 2010 21:57 disse...

Ain que lindo o seu texto!
Pude sentir em mim um pouco do amor do personagem *-*

{ Karenzinha } at: 8 de agosto de 2010 22:02 disse...

Parabéns.. excelente texto... meu coração encheu de emoção ao ler suas palavras.. me emocionei.. Mil vezes.. PARABÉNS..

{ Charlie B. } at: 8 de agosto de 2010 23:08 disse...

Okay, eu confesso que salvei o seu texto e vou guardá-lo nas minhas coisas, foi um dos melhores textos que já li pela blogsfera, FATO.

Charlie B.

{ } at: 9 de agosto de 2010 01:56 disse...

Peraê, deixa eu respirar.
Você existe?
Sério, tô chocada com seu texto, guri, isso tudo é irreal numa pessoa só!
Lindo, lindo, lindo!
Seu blog todo, aliás, é lindo!
Tô seguindo, esperando pra ler mais e mais das tuas palavras!
beeijo

{ Thammy } at: 9 de agosto de 2010 10:56 disse...

É incrível seu charme com as palavras. :)
Um amor desse é o que cada um deveria cultivar. Lindo texto. Lindo demais.
Esse amor enche o coração de esperança, faz a gente flutuar. Ele existe mesmo? Você fez parece que sim. Parabéns Rodolpho.

Ah, não posterei mais no blog SegredosAdocicados. Estou voltando, mas começando do zero. Com novo blog - Menina Bordada. Obrigada pela força viu.
Beijinhos!

{ Rute Vieira } at: 9 de agosto de 2010 11:54 disse...

"O amor é brega. Eu quero um.", disse Cazuza.

sentimental e singelo. e lindo!

parabéns, Rodolpho. MUITO BOM! :)

beijo no ombro.

{ Leticía Gomes } at: 9 de agosto de 2010 16:15 disse...

AAAAAAAAAH amei rodolpho :)
de verdade, os diálogos são muito inspiradores e, sabe uma coisa? amor à moda antiga é a moda de agora. tenho certeza de que muita gente hoje se derreteria completamente com essas palavras.
gostei muito mesmo, parabens novamente pelo ótimo blog :)

ps: qual é o texto que vai para o blog livros? este aqui?
beijos.

{ Rebeca Amaral } at: 9 de agosto de 2010 19:08 disse...

onde estão esse homens assim, diga-me?
quero um também, poxa!

texto maravilhosamente escrito!

votarei muito em você! sem dúvidas!

beijão!

{ Thiara Ribeiro } at: 9 de agosto de 2010 20:46 disse...

Isso é tão raro hoje em dia!
Mas sim, essas raridades existem!
Ainda bem!

Sempre perfeito!

;**

{ Mali Melo } at: 9 de agosto de 2010 21:02 disse...

OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOWN que lindo! Muito bom mesmo, amei. =)

{ Karenzinha } at: 9 de agosto de 2010 21:35 disse...

Querido.. tem dois desafios pra ti lá no blog... dá uma conferida..

Bjus

http://kadeniz.blogspot.com/2010/07/desafio.html

{ Pires Silva } at: 9 de agosto de 2010 23:48 disse...

Ah que coisa mais romântica, linda, doce, encantadora *-* Rod, seempre se superaando cara. Eu sei que to ha um tempinho sem aparecer por aqui, mas agr to de volta meu beem, e to apaixonada de verdade por esse texto. Me envolvi totalmente com as declarações lindas e puras

você é um gênio
brilhante sempre
parabéns
gatita :*

{ Metamorfoses } at: 10 de agosto de 2010 00:33 disse...

Dei meu votinho viu moço??bjs!

{ mari ebert } at: 10 de agosto de 2010 14:06 disse...

OOOWWWWWWNNNN q fofoo! Quero um! hahaha Adorei, pena que eu sou chata de mais para ter um assim algum dia...

{ Veronica Rodrigues } at: 10 de agosto de 2010 14:54 disse...

tá sumido (:

{ Luria Corrêa , Martins . } at: 10 de agosto de 2010 15:37 disse...

que lindo rod. , hoje não encontramos mais amor a moda antiga em grande parte do mundo.
Obrigada pela consideração, e também sempre conte comigo pro que precisar. Votarei em você no concurso, se dependesse de mim, já era o primeiro.

bejs :)

{ Carolyne Mota } at: 10 de agosto de 2010 17:02 disse...

Que texto lindo! *-*

Encanta quem lê.
E quanto ao seu amor a moda antiga, isso não é nada piegas, a verdade é que é raro amores assim.

Abraço.

{ Patrícia Azevedo } at: 10 de agosto de 2010 17:54 disse...

NOOOOOOOOOOOOOOOOOOOSSA! lindo lindo lindo lindo lindo lindo lindo! *-----------------*
é uma raridade amores assim, e graças à Deus encontrei o meu.. rs
puxa! me apaixonei por seu texto! muito lindo!
parabéns por esse dom!
já estou te seguindo!

{ Cris Santos } at: 11 de agosto de 2010 19:49 disse...

Meu amor é daqueles à moda antiga (...)

Ah como eu queria um amor desses para mim

Lindo, lindo, lindo


Bjinhus doces ;*

{ Doce Nostalgia } at: 15 de agosto de 2010 22:23 disse...

Ah... quero isso tambem! *-*
Deus sabe que os melhores amores são mesmo a moda antiga, essa modernidade não tá com nada! =/

Haha
Lindooooooooo!

 

Copyright © 2010 A arte de um sorriso