Keblinger

Keblinger

Às vezes

| quarta-feira, 21 de abril de 2010
Às vezes temos pressa e não queremos esperar pelas coisas boas,
às vezes esperamos e elas não vêm e às vezes quando estamos prestes a desistir elas aparecem.

Às vezes temos a impressão de que nada dá certo,
às vezes achamos que o universo conspira contra nós e às vezes vemos que estávamos errado ao pensar isso.

Às vezes nos machucamos de tal forma que não vemos uma cura,
às vezes o cura demora e às vezes ela esteve sempre perto e a gente não notou.

Às vezes erramos sem pensar,
às vezes erramos por vontade e às vezes acertamos ao errar.

Às vezes nosso mundo desaba,
às vezes parece que os destroços nunca se consertarão e às vezes percebemos que esse abalo veio por uma boa causa.

Às vezes sorrimos para não chorar,
às vezes sorrimos mesmo aos prantos e às vezes choramos de rir.

Às vezes pensamos que não somos nada,
às vezes temos dúvida se somos e às vezes enxergamos nosso próprio valor.

Às vezes brincamos de fingir, fugimos para esconder, magoamos sem querer, lutamos sem vencer... mas às vezes tudo se torna claro e menos nebuloso.

Às vezes achamos que encontramos as fórmulas secretas do amor e da felicidade, para mais tarde percebermos que tais fórmulas não existem, elas vivem em nós.

Às vezes estamos confuso, inseguros, impacientes e tudo isso, às vezes, muda de uma hora para a outra.

Às vezes fazemos perguntas sem respostas, às vezes entendemos que estamos fazendo as perguntas erradas.

Às vezes serão sempre às vezes.
A certeza do sempre é a incerteza do futuro.

Às vezes simplesmente sabemos.
Sabemos que "às vezes" são apenas momentos.

10 sorrisos compartilhados:

{ Flávia } at: 21 de abril de 2010 21:48 disse...

Nossa, Lindo!

Falou exatamente o que acontece com a maioria das pessoas! "Às vezes fazemos perguntas sem respostas, às vezes entendemos que estamos fazendo as perguntas erradas." Bem reflexivo isso!

"Às vezes simplesmente sabemos.
Sabemos que "às vezes" são apenas momentos."

Ficou show bebê!
beeijãoo! ♥

{ Milla } at: 21 de abril de 2010 22:05 disse...

Amei! Adorei a forma que você escreveu sobre as incertezas que todo mundo tem ou teve. Nós temos que aprender a lidar com essas coisas, temos que manter em mente que esses momentos de indecisões vão passar..

beijos

{ Raphael Trew } at: 22 de abril de 2010 10:04 disse...

As vezes, seremos o problema
As vezes, causaremos o problema
As vezes, seremos a solução destes problemas,mais apenas se quisermos ser

{ Grafite } at: 22 de abril de 2010 10:06 disse...

perfeito!simplesmente amei o post...

beiijo
*.*

{ Gabriela F. } at: 22 de abril de 2010 21:06 disse...

"às vezes esperamos e elas não vêm", acho que o problema é esperar!
E ás vezes são apenas momentos, que parecem não acabar!
Adooreeeeei o texto
beijo

{ quandoeumechamarsaudade } at: 23 de abril de 2010 11:35 disse...

Tenho um sério problema quanto a isso:

"Às vezes temos a impressão de que nada dá certo,
às vezes achamos que o universo conspira contra nós e às vezes vemos que estávamos errado ao pensar isso."

A-D-O-R-E-I! *.*

Beijo

Estefani

{ B. Guimarães } at: 24 de abril de 2010 17:50 disse...

Obrigada pela visita *-*
Resolvi passar por aqui também, adorei seu blog (:
Você escreve muito bem !
Te seguindo.
beijo e bom fds ;*

{ Amanda Lisbôa } at: 25 de abril de 2010 01:17 disse...

*às vezes entendemos que estamos fazendo as perguntas erradas*

... mas às vezes... as perguntas certas foram feitas... e não houve resposta alguma!

{ BEBE } at: 25 de abril de 2010 16:52 disse...

O importante é não desistir,
pensar, amar, se entregar a vida da forma mais
plena...
Vivendo intensamente todos os momentos,
não desperdiçando um segundo.
Feliz com tua chegada.
Profundos textos aqui...Adorei.
Beijo carinhoso
da
BEBE

{ Letícia R. } at: 25 de abril de 2010 22:57 disse...

Uaaau, ficoou demaiis

 

Copyright © 2010 A arte de um sorriso