Keblinger

Keblinger

Incertezas

| segunda-feira, 22 de março de 2010
Péssimos são aqueles dias em que acordamos nos sentindo estranhos, com um aperto no peito, uma mágoa, uma coisa estranha e sem nome. Sem definição. São dias que nos sentimos mal sem nem saber o porquê e quanto mais procuramos encontrar um motivo, mais difícil essa tarefa se torna. São esses os dias da incerteza, aqueles dias parados e monótonos que só queremos ficar sós ou em silêncio porque aquele bater sufocado do coração tenta, mas não consegue dizer o que sente. Essas incertezas são sempre certas por não serem decifráveis, incertezas estúpidas que vêm depois de dias bons e felizes, incertezas que ferem sem machucar, que marcam sem tocar e que deixam vestígios de sua passagem sorrateira. A incerteza é realmente uma coisa chata e densa, ela vem tão de mansinho que nem notamos, mas quando percebemos já estamos fazendo aquelas perguntas que não sabemos as respostas. A gente busca descobrir o que está havendo, porque está acontecendo, mas quanto mais buscamos mais nos perdemos nas ondas das incertezas.
A incerteza é uma confusão momentânea, é uma insegurança passageira e é uma certeza de que ela veio por algum motivo. Motivo esse que demora a ficar claro aos nossos olhos, um motivo que queremos descobrir desesperadamente, mas que só nos causa frustração por nos fazer esperar.
Incertezas são coisas certas na vida. Elas vêm e vão, como visitas, umas só dão uma passada rápida, outras permanecem por um período e algumas acham que devem ficar pra sempre, mas no fim, elas se vão.
Se uma incerteza me trouxe até aqui, outra me leva a outro lugar.
Uma incerteza me fez enxergar com mais clareza, me fez ter certeza das minhas ações e me transformou. Tenho que saber lidar com aquelas do momento e estar preparado para aqueles que virão.
Se tenho incertezas é porque ainda penso... se penso é porque sou certo, de uma forma ou de outra.

7 sorrisos compartilhados:

{ Victor } at: 22 de março de 2010 09:35 disse...

Acredito q as incertezas são decisivas para nós, mas q decisivas , essenciais ! qual seria a vitória se só houvesse uma unica certeza, uma unica verdade absoluta, imutavel .

Acho q a incereteza é um relapso da nossa consiencia ,que nos fazem questionar o certo e o errado, se é bom ou ruim? isso é incerto! rs

To seguindo aew, sigo poucas pessoas e tento sempre ta lendo os post's ! Gostei daki (desculpe a ortografia errada e incoerente , mal de internauta, huahahu ')

{ Renata } at: 22 de março de 2010 09:49 disse...

Penso que incerteza seja aquele momento que exige de nós um pouco de tudo.
Um pouco de calma, um pouco de alma, um pouco de ar até mesmo um pouco de nada.
È como ter que juntar pedacinho por pedacinho, e em cima disso ter uma solução pro que nos causa uma sensação diferente, incomoda.
E a incerteza? Ela é assim nos deixa sem ação, ela tem seu próprio tempo.
Não sei se existe maneira pra aprender a lidar melhor com isso.
Enquanto isso eu vou deixando ela, porque nada do que faça tira a permanência dela até chegar minha hora. Faço minha escolha e ai estou pronta pra li dar com o que a incerteza me fez escolher...
A única certeza... É de que em algum outro momento ela aparecera novamente, e o mais estranho é que seja quantas vezes isso acontecer, nunca saberei lhe dar com ela de maneira corriqueira.

{ Webert Gomes } at: 22 de março de 2010 10:51 disse...

Que lindo, cara! Maneiro mesmo o texto. Suspirei aqui, lembrando-me de tais em que emoções tácitas me preenchem a alma. Augusto Cury explica isso dizendo que são janelas da memória que se abrem e então sentimos as mesmas emoções de fatos anteriores. Mas são memórias no campo do inconsciente, por isso não detectamos através da mente, apenas pelas emoções. Mas é complicado cientificar algo tão empírico e experimental!

Quantas as incertezas... Ah, como são fortes estas! A terra com mais 49 bilhões de anos, a gente com menos de 100 querendo saber alguma coisa. Huff!

"A incerteza é o caminho da liberdade. Devemos transformar a incerteza em um ingrediente essencial da própria experiência. As soluções então emergirão espontâneamente do próprio problema, da própria questão, da própria confusão, do caos..."
(Deepak Chopra)

"Há nesta vida só incerteza.
E para a alma que só conhece a tristeza,
a felicidade pura é tão impossível como a certeza plena." (Nivanio JB)

"Só sei que nada sei." (Sócrates)

Qual é a primeira coisa que deve fazer quem começa a filosofar? Rejeitar a presunção de saber. De fato, não é possível começar a aprender aquilo que se presume saber. (Epicteto)

Obrigado por passar em meu blog.. =D Abração!

{ Naiara } at: 22 de março de 2010 11:06 disse...

NOSSA eu simplesmente ameiii...
esses dias estava me sentindo assim, do nada isso aparece e pernamence por um bom tempo...


LINDO O TEXTO... Obrigada pela visitaaa! ;) ;*

{ Flávia } at: 22 de março de 2010 12:45 disse...

Adoreei Rodi! =)
Eu me identifico muito com as coisas que vc escreve.

Me deparo muuitas vezes com esses momentos que vc descreveu aqui, INCERTEZAS! Isso é o q eu mais tenho. São fases horríveis pq nos deixam com uma sensação de 'mãos atadas' ¬¬
Não sabemos o que pensar, o que querer e nem coomo agir. Apenas paralisamos, tentando dar resposta pra tantos 'porques' e quase nunca achamos uma solução! estranho ... =S
Mas, as incertezas passam e tem dias que temos tanta certeza das coisas... ;)

Well, Ameei bebê! =)
Beeijos!

{ Rodolpho Padovani } at: 22 de março de 2010 16:04 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
{ Rodolpho Padovani } at: 22 de março de 2010 16:05 disse...

A todos: Agradeço aos que estão aqui pela primeira vez, sejam bem-vindos, saber que alguém lê me motiva a continuar.

Victor
Concordo com o q disse, "incertezas são essencias"...
Valeu por estar seguindo tbm e volte sempre (com a ortografia que quiser, hehehe)

Renata
Seu texto complementa o meu... valeu pelo comentário...
"A única certeza... É de que em algum outro momento ela aparecerá novamente..." ~> temos q nos preparar...

Webert Gomes
Valeu pelo comentário, por estar seguindo e por todas as citações q me mostraram outros pontos de vista.
Passarei em seu blog sempre q der =D

Naiara
Isso acontece com frequencia com as pessoas, estamos sempre sentindo coisas diferentes...
Te visitarei mais vezes =D

Flávia
Obrigado mais uma vez pela presença
"...as incertezas passam e tem dias que temos tanta certeza das coisas..."
É isso msm, somos sempre pegos por sentimentos de todos os tipos e muitas vezes, eles vêm qdo menos esperamos...

UM GRANDE ABRAÇO A TODOS!

 

Copyright © 2010 A arte de um sorriso